Limões no sinal e a pressa de quem tem fome

Martha ligou o limpador de parabrisas por conta da chuva fina que começava a apertar no início daquela tarde. À sua frente, um menino de no máximo 9 anos fazia malabarismo com três limões em um sinal de trânsito. Pés descalços, rosto sujo, peito nu exposto ao frio. O olhar de Martha se distanciou e remeteu-lhe à aula que ela acabara de dar. Limões alternavam-se no ar entre as mãos miúdas do malabarista mirim. Foram poucos segundos de exibição até […]